AFLIÇÕES

“…No mundo tereis aflições…” — João, 16:33

Meus irmãos, a paz seja conosco!

Turbulências de todo jaez movimentam os estados mentoemocionais de bilhões de seres na nossa Terra.

Processos que se conjugam, do indivíduo para o coletivo, formando um imenso painel de provas e aferições para todos.

O assunto, porém, não é novo para quem tem estudado as páginas sublimes do Evangelho de Jesus, mormente às claridades desse Consolador prometido por Ele e corporificado nos conteúdos imortais do Espiritismo Cristão.

Enfermidades e derrocadas financeiras; crises de autoridade e corrupções; conflitos íntimos e choques nas relações…  Tudo isso, em níveis diversificados de manifestação, tem fomentado nas almas o que denominamos por aflições e dores, visando à evolução geral do Orbe.

E se encontramos os que buscam fugir e se esconder desses quadros de luta e formação moral – seja pela eleição de vícios ou através da negação de Deus e de sua Providência sábia – encontramos, nos que se esforçam nos estudos e pelas meditações de melhor nível, a compreensão desses movimentos de vida, que se dão em louvor da perfeição de cada filho de Deus, então esboçada ou planificada por essas circunstancias, aparentemente adversas.

O plano físico é a oficina de trabalho para o Espírito ainda carente de lucidez e aperfeiçoamento.  É na crosta terrena que encontram, pela reencarnação, o clima de serviço e aferição, capaz de qualificar seus talentos, suas habilidades, suas percepções.

A sabedoria é síntese de muitos esforços levados a efeito no tempo, na somatória de muitas existências físicas.

Por isso meus irmãos, o mundo terrestre não é o paraíso tão sonhado! E na crosta, reencarnados, todos somos constrangidos a nos esforçar por adotar o Bem já apreendido no plano de nossa consciência.

Como somos, por impositivo das leis do Universo, convocados a nos ajudar mutuamente, por efeito de interdependência, os mais experientes, os que já trilharam os caminhos que muitos começam a percorrer, volvem aos caminhos humanos e reafirmam aos que pelejam a mensagem de Jesus que nunca será esquecida: “Tende bom ânimo, pois Jesus, o Senhor nosso, venceu o mundo”!

Que o Nosso Pai nos fortaleça a fé e nos inspire o Seu divino Amor!

 

HONÓRIO ONOFRE DE ABREU

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner G. Paixão em reunião pública do Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG, no dia 24 de janeiro de 2015)