Arquivos da categoria: Chico Xavier

POR DEVER E GRATIDÃO

Minhas irmãs e meus irmãos, Jesus nos abençoe!

A vida é tão rica e tão surpreendentemente bela, por mais desafios e dores experimentemos na ordem do progresso, da evolução, que necessitamos nos indagar de trecho a trecho do caminho sobre o nosso estado íntimo, sobre as nossas condições pessoais de aproveitamento das bênçãos que nos chegam: do tempo à saúde, da fé à convivência com o próximo.

  • O que são nossas ideias e impressões pessoais diante do Universo de Deus?
  • O que representa o meu gesto de indiferença ou de vaidade no Concerto Cósmico?

Abraçamos a Doutrina dos Espíritos como sendo Jesus de volta, mas não temos nos comportado à altura dos conceitos exarados em nossos círculos de aprendizado espiritual.

Criamos e sustentamos incontáveis Entidades de assistência e de acolhimento social, tudo sob o estandarte divino do Evangelho Redivivo, porém, nos deixamos levar pela política torpe e enfermiça do personalismo, vivendo entre assaltos e negações do amor caridoso.

O nosso Brasil, meus irmãos, sofre presentemente, em suas expressões políticas e jurídicas, a depressão vibracional tão lamentável, porque a nossa caravana espiritual tem se ocupado das formas e dos sistemas, fugindo ao plano do amor que o Alto espera de nós…

Notamos que a Transição, simbolizada pelo diálogo da Serpente com Eva, nas figuras simbológicas e vigorosamente sugestivas da Bíblia, se reedita na atualidade e como que “encanta” nossos líderes e trabalhadores do Movimento.

Não comentamos o assunto sem o respeito devido ao livre-arbítrio dos irmãos, e nem sob a inspiração do pessimismo ou da descrença, fazemo-lo por nos sentir irmanados ao esforço de grande contingente que luta ardorosamente pelo Espiritismo com Jesus, segundo o seu Evangelho de Redenção – seja com as obras de beneficência no meio social, seja nas Casas e Grupos de estudos comprometidos com a mensagem genuína do Consolador.

O Poder de Jesus e de seus Emissários ultrapassa os jogos de presunção e de vaidade, de indiferença e de zombaria. Mas as ações humanas, demonstrando consciência e adesão aos planos, às Leis do excelso Pai, são muito importantes como ambientação, na Terra, dos valores imortais, capazes de serem dinamizados na sociedade, como a legítima plataforma da Regeneração.

Da vida espiritual, observamos o movimento múltiplo das consciências em níveis diversos de conquistas morais, e os turbilhões que geram, em conjunto, definem as provas e a natureza das lutas a serem enfrentadas por toda a coletividade.

Sobre esse torvelinho, o Senhor faz desaguar a luz da misericórdia, sem cuja presença, os irmãos encarnados ou desencarnados ainda gravitando em torno da matéria, não suportariam sobreviver…

O nosso Brasil continua armazenando valores evolutivos por parte de seus filhos, para cumprir sua missão espiritual. Nenhum ataque, nenhuma crise serão suficientes para mudar-lhe o curso de realizações – tão bem delineados pela sabedoria amorosa de Jesus.

A simplicidade de coração é ainda e sempre o alicerce dos trabalhos pelo Evangelho. E não se enganem os que, em cálculo e sagacidade, julgam que simplicidade é tolice, porque a Verdade é a única força que de tudo triunfa, de modo que, mais dia menos dia, meus irmãos, a enfermidade, a derrocada social ou financeira, a perda de entes queridos e mesmo a morte, com seu ultimato, nos mostrarão, quando equivocados ou desviados do Bem, o verdadeiro caminho da Vida.

Trabalhemos em nós para que Jesus esteja com todos, ainda que as tempestades rujam e ameacem, tentando iludir os mais incautos e inexperientes de que não há esperança ou solução.

Nosso esforço não foi e não será em vão. Seguimos a Jesus no Espiritismo, e por esse caminho da Verdade venceremos a nós mesmos!

Prossigamos tão amorosos e tão unidos como nos ensinaram os Mártires do Cristianismo primitivo.

Estaremos juntos, louvando o coração amoroso de Nosso Senhor Jesus!

CHICO XAVIER

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner Gomes da Paixão em reunião pública do dia 04 de junho de 2016, no Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG)

RECOMEÇO

Meus irmãos, que as bênçãos de Nosso Senhor Jesus Cristo nos alcancem, trazendo reconforto e segurança aos nossos corações!

O tempo é sempre prodigioso por sua capacidade de nos ordenar pensamentos e emoções. Por ele, surgem-nos as respostas, o consolo e a renovação de nossos sentidos, frente a tudo o que se nos tornou aflições e desafios, provas e resgates…

O nosso mundo terreno tem vivenciado muitas experiências, às vezes, através de propostas que se chocam, como a noticiar complexa reforma de concepções e comportamentos – o que para muitos observadores sugere o fim dos tempos ou verdadeiro apocalipse, consoante a sua interpretação das profecias e dos textos sagrados.

No entanto, nós, os que estudamos com Jesus e Allan Kardec os processos de evolução da humanidade terreal, concluímos pelo quadro da transição geral, a estabelecer reajustes imprescindíveis e novas bases para o progresso global.

E dizemos isso por reconhecer as transformações ocorridas noutras épocas remotas ou mais próximas, ensejando ao curso da vida aquela correnteza mais dinâmica e até mais saudável, por efeito de depurações levadas a cabo por circunstâncias inesperadas e tidas por maldição num primeiro momento.

O nosso Brasil segue nesse sentido a sua rota de depuração e testemunhos, visando ao progresso social e moral que se conjugam aqui de modo admirável por reconhecermos todos, a ascendência do Evangelho de Jesus sobre nossa cultura e através de nossos esforços em todas as interpretações religiosas que em nosso solo florescem por bênção de Deus.

Mas, se como família brasileira, experimentamos nossas provas e nossas conquistas, devemos nos ocupar com nossos lares, de modo consciente e cristão, para que a Nação não sofra os desvios que renegamos e jamais desejaríamos ver em contexto político, econômico e social.

No lar, onde as virtudes da Boa Nova tornam-se imprescindíveis, somos requisitados por balizas ou por vigas de sustentação da harmonia doméstica, a fim de que as experiências definidas pela consanguinidade sejam do mais alto quilate moral, salvaguardando, os corações que aos nossos se conjugam, das depressões e dos ódios, das revoltas e das antipatias que sempre e invariavelmente fomentam as violências, os suicídios, os homicídios, o vício das drogas, as traições, vinganças e todas as leviandades que denigrem a condição espiritual de cônjuges, de filhos e filhas, de familiares outros…

A humildade é sempre o antídoto da loucura e a renúncia é o caminho da paz que erradica as guerras personalistas!

Somos uma Nação fadada a levantar no Brasil a flâmula da Fraternidade Universal. Formamos uma grande família, um grande povo que carrega a missão de vivenciar, tanto quanto possível, as lições de Jesus, tendo em vista a substanciosa e imaterial melhoria do Mundo, porque os valores da consciência, meus amigos, são os eternos tesouros dos Espíritos que se corporificam, para então testemunharem esses valores.

Carregamos, todos nós, marcas que podem se apresentar como chagas dolorosas, herdadas de ações e reações de nosso passado, mas todas elas, cicatrizadas ou ainda não, podem ser curadas ou mesmo valorizadas à luz da Mensagem do Senhor, sob a orientação sábia e generosa dos bons Espíritos.

Daí o convite do tempo por esse sistema adotado pela administração de parcela significativa dos povos do Globo, a propor a cada coração o recomeço em novas bases, com novo ânimo, sob a claridade de fecunda esperança…

É muito importante para a nossa comunidade Cristã e Espírita compreender que somos parte ativa de um sublime projeto de Jesus: o de transformar o Brasil em terra dadivosa para os corações exauridos em todos os climas do Planeta!

Nesse sentido, a correção pessoal, a responsabilidade impressa a tudo o que se faz, a abertura de coração para perdoar e acolher, a disposição permanente de servir e cooperar – tudo isso a partir do lar que a Providência nos concedeu, passando pelo exercício profissional, cidadão, atingindo os campos abençoados de nossa fé religiosa… Somente isso será capaz de salvaguardar e dar fôlego à missão brasileira diante do Mundo que sofre!

A vida, meus irmãos, alcança o verme que se move no charco e atinge o infinito dos sóis que desconhecemos: valorizemo-la, através de nossa devoção ao Bem!

Há inimaginável solidariedade entre tudo o que existe, porque as forças do Universo são correntes de vida, a definirem condições as mais diversas para o progresso dos seres.

Só o Amor é a nossa definitiva identidade! Que possamos cultivá-lo no solo fértil da vida que nasce de Deus!

Que Jesus nos ampare e nos encontre dispostos a servir ao seu Evangelho de redenção!

 

Do irmão e menor servidor,

CHICO XAVIER

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner Gomes da Paixão em reunião pública do dia 04 de janeiro de 2015 no Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG)

UNAMO-NOS EM ORAÇÕES

Queridos irmãos e amigos: supliquemos a Deus nos socorrer em nossas lutas, para que vivamos a caridade e o perdão no dia a dia!

A morte do corpo não nos exime dos deveres morais que a nossa formosa Doutrina Espírita nos ensina, com Jesus por Sol de nossas realizações!

Enquanto existir sofrimento e dor, conflitos e guerras no mundo, nossa maior obrigação – já que beneficiados por tantos conhecimentos espirituais, já que detentores de tantas luzes do Evangelho – será a prestação de serviço aos que sofrem o efeito das deserções e da delinquencia na Terra…

Mesmo compreendendo a Justiça Divina a se estampar nos processos da evolução do nosso Orbe, não nos cansamos de refletir sobre a infelicidade dos corações que cultivam o mal, a violência, o desrespeito à vida, aos semelhantes!… Dói, também em nós – os Espíritos livres do corpo físico –, o massacre de velhos, mulheres e crianças por efeito de ódios por hegemonia política ou econômica, por preconceitos raciais e religiosos, de modo que nosso coração se embebe das mais ardorosas preces, para que Jesus, o Salvador do mundo, possa se compadecer desses quadros de dor e aliviar tantas misérias morais, tantos sofrimentos sem justificação diante do Amor de Deus!…

Estristecemo-nos, meus amigos, ao ver a barbária dominar climas e povos, crenças e culturas, como igualmente nos golpeia o coração ver a crueldade e a indiferença de cristãos confessos – mesmo dentro de nosso Movimento de libertação espiritual – a serviço da violência, do desrespeito, da desconsideração, do abate moral de almas e ideais, zombando dos esforços alheios, da sinceridade de propósitos de irmãos na fé e na caminhada… e tudo por efeito de ambição, de vaidade, do espírito de vingança!…

A transição, meus amigos, é um período muito grave de turbulência, em que processos pessoais e coletivos se agravam, como as enfermidades nos momentos de crise, em expressão aguda. Por isso, não podemos seguir sem vigilância, mas a vigilância recomendada por Jesus, que a propôs em razão de nosso mundo interior, em função das feiúras que trazemos do pretérito – e não a vigilância sobre o outro, porque o outro deverá cuidar de si mesmo, segundo a própria consciência!…

Comparecemos aqui, nesta reunião de luz e amor, para suplicar a todos que orem, que orem muito a Deus, a Jesus, a Nossa Senhora, rogando pela paz no Planeta, pelo entendimento entre países, entre as Nações, entre as pessoas – e também entre nós, que guardamos o dever de honrar o nome de Nosso Senhor Jesus Cristo no trato com Sua Mensagem restaurada pelo Doutrina que dizemos professar!…

Somente a nossa fé sincera e coerente, manifesta no amor e na caridade – seja em palavras, em pensamentos, em ações e reações pessoais – poderá livrar o mundo de maior escuridão e de outras guerras…

Oremos, amigos! Nos momentos mais críticos da História Cristã, quando os circos do martírio eram o destino dos seguidores do Mestre, a oração foi o arrimo e a força de todos, que sob essa vibração de fé se uniram, para verdadeiramente inaugurarem uma nova era de consciência e religiosidade!

Nós, meus irmãos, herdamos deles esse tesouro de espiritualidade e reverência a Deus… Saibamos, pois, nos conduzir com fé e caridade, sempre em oração!

 

CHICO XAVIER

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner Gomes da Paixão em reunião pública do dia 19 de julho de 2014 no Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG)

A MENSAGEIRA DO AMOR

Meus Irmãos: suplicando a graça e a ternura de nossa Mãe Santíssima em favor de toda a Humanidade, reverenciamos neste dia o papel sublime da mulher, quando guiada pela fé em Deus!

Dela depende o fluxo da vida em suas expressões de justiça e bondade, porque ao coração da mulher Deus confiou a execução de uma lei universal, sem a qual não conheceríamos o amor puro e redimido de toda nódoa passional: a reencarnação.

Mediadora da vida e fonte dadivosa da candura, a condição feminina, como meio de experiência e produção moral, marcadamente pelo viés sentimento, a ela devemos, quando a serviço da Providência augusta de Nosso Pai, os nomes mais santos da organização social do Planeta: mãe, irmã, esposa, filha, amiga…

Os homens mais notáveis de nossa História guardam, na gênese de sua evolução, as marcas indeléveis de uma mulher – seja a que gerou, sejam as que orientaram seus passos, entre a ternura e a energia educativa, formatadora do caráter e das mais altas disposições morais!

Recordá-las em sua função santificante e transformadora das condições espirituais de quantos delas – as mulheres operosas no Bem – se valham, em dependência harmônica e sábia, segundo dispositivos da Ordem Divina, é para todos nós o reconhecimento da infinita Misericórdia de Deus, que através do coração feminino, em processos misteriosos e múltiplos para a análise intelectual dos homens, revela facetas de Seu Amor – Amor que é fundamento da vida e da ordem universal!

Mulher, quando mãe é uma estrela de Deus, mas todas as que não geram filhos próprios e que se dispõem a servir à promoção da vida e do bom ânimo, com seus talentos, igualmente cintilam, porque, em todas elas, mães ou nas que se fazem mães, brilha sempre a face amorosa do Criador, na feição de conforto e esperança, perdão e caridade!…

À mulher que dignifica a sua missão de Mensageira do Amor Celeste, a nossa reverência, a nossa gratidão!

 

CHICO XAVIER

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner Gomes da Paixão em reunião pública do dia 08 de março de 2014 no Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG)