SINAL DOS TEMPOS

Diletos e saudosos amigos da Seara do Consolador: Jesus nos abençoe em nossa caminhada de redenção!

A Humanidade vivencia momentos fecundos que auguram o parto do tempo novo, em que o “Filho do homem”, vencendo os vícios e as limitações do homem velho, inaugura a Era da Fraternidade sob os auspícios da verdade evangélica, consoante o Divino Paracleto a reapresenta: pura e simples!

Compreendemos as ansiedades e os temores, os desgostos e os embates do egoísmo que teimam em bradar o seu látego de ignomínia e de corrupção, mas nada disso representa ameaça real para os corações relativamente amadurecidos, que buscam nas fontes dadivosas do Evangelho, a seiva de amor e perdão que positiva entre todos a caridade proclamada pelo Espiritismo.

Uma onda de poeira se levanta com a gradativa emancipação das almas; isso, porém, é a reação naturalíssima que caracteriza a transição planetária – essa antesala do templo da consciência desperta para Deus!

O que dizer, então, diante desse panorama apocalíptico, segundo os menos avisados? Trabalho íntimo, com alicerce nas ações regenerativas que o Consolador nos propõe.

Somente a companhia do Mestre, através do cultivo de suas lições definirá para nós a afinidade de sentimento, imprescindível à subida vibratória, para a consequente transformação do Mundo.

Recordemos, amigos, que nenhum vaticínio e nenhuma teoria mirabolante, poderá substituir o esforço pessoal dos grupos já amadurecidos para alavancamento da evolução planetária.

Em nossa esfera de ação, onde agora operamos ao lado dos Benfeitores que nos amparam desde muito, milhões e milhões de espíritos estão sendo trabalhados para o fenômeno da renovação.

As zonas abissais e as zonas intermediárias dos umbrais, vem merecendo o carinho dos anjos que auxiliam a Jesus na administração moral e espiritual do orbe, de modo que se trata de uma transformação profunda.

Existem dúvidas, inseguranças acerca dos movimentos físicos do globo? Afirmamos que tudo segue a ordem natural das leis que nossas ciências aí já estudam e revelam, mas, nada anormal ou catastrófico, a ponto de se dizer que será em tal data, ou será o fim de tudo…

Os sinais dos tempos estão na Terra, através da exaustão moral dos que já se saturam das mentiras, dos desvios, das ilusões.

Esses sinais dos tempos estão na Terra, através dos ensinos dos Espíritos Superiores, através dos Missionários do Amor, através da missão maternal e paternal bem cumprida, através do ardoroso lidador do bem que evangeliza as religiões dogmáticas e dos que sublimam os movimentos filosóficos, científicos e morais por toda parte.

A maioria dos Espíritos que retornam à lide física se constitui daqueles que já estiveram por aí, lutando pela própria depuração, e agora, retornam leves e lúcidos para viverem o néctar da Boa Nova em consonância com o que, sabiamente, de modo sintético, a Doutrina dos Espíritos ensina ao Mundo.

Bom ânimo, amigos! atendamos aos nossos encargos com valor e determinação!

A estrada se modifica, e é preciso não resistir à força das mudanças, tornando-as, em seu caudal, proveitosas a todos.

Elevemos o pensamento ao Senhor para ter Caminho, busquemos sentir o apelo Divino para ter Vida no coração, e sirvamos ao bem geral para seguirmos a Verdade!

A geratriz de nossos males reside nos desvios e nas negações, nas resistências e inconformações a propósito de tudo.

Deus multiplique forças e alegrias na marcha de todos os queridos amigos de nosso coração!

HONÓRIO ONOFRE DE ABREU

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner Gomes da Paixão, no Abrigo Jesus, em Belo Horizonte, MG, durante o encerramento do Encontro de Carnaval, promovido pelo CEAJE, na manhã do dia 28 de fevereiro de 2017).