Arquivo da categoria: Emmanuel

LABORES DA ALMA

A sabedoria de Deus se estampa nas leis que ordenam a vida cósmica – dos diminutos átomos que formam a base dos mundos que conhecemos aos arcanjos divinos, que são os Espíritos santificados na luta e pelos testemunhos do Bem, a executarem com harmonia e perfeito entendimento, as vontades de Deus sobre todos os seus filhos ainda imperfeitos.

Se analisarmos a Natureza, veremos que há trabalho na intimidade da pedra, cuja constituição atômica, aparentemente inerte, é campo de gravitação intensíssimo, apresentando a coesão que a torna dura e impermeável, por efeito da atração de seus componentes…

Se fixarmos a planta, descobriremos o movimento da seiva, induzindo caules e folhas a se ajustarem, segundo a influência da luz do sol e do meio em que se manifestam…

Do mesmo modo, a formiga se agita e obedece aos ditames da espécie para cumprimento de funções que lhe escapa à condição insciente…

O homem é fruto de uma engrenagem ciclópica e em tudo magnífica, que reflete a sensibilidade e a inteligência da alma, que o ocupa e o utiliza como coroamento da fecunda obra da Natureza em mundos como a Terra.

Se há movimento e trabalho na matéria, em todas as suas dimensões, há serviço constante e ativo no reino do Espírito, por dentro de nós mesmos, daí nos referirmos a provação como trabalho moral, em que sentimento, idéia e ação se conjugam para o efeito evolutivo que nos interessa.

À face disso, não te percas em desalento e incredulidade. Provação na existência é serviço da alma que anseia os cimos majestosos da vida infinita.

O incômodo de hoje é a irritação elementar que nos desperta a consciência para valores que desconhecíamos.

Tudo obedece às leis harmônicas do Excelso Pai e Criador que, pela interdependência, nos associa a todos, encarnados e desencarnados, em níveis tão diversificados de experiência e vida quanto diversa é a expressão das estrelas na abóboda escura do céu.

Faze, assim, o teu melhor, onde e com quem estejas, porque há tempo para aprender e investir, para corrigir e ressarcir, mas também para repousar e usufruir os valores que já ornam moralmente teu coração!

 

NOSSO LUGAR

Embora seja natural e compreensível, nas eras primitivas que a Terra já atravessou, os grupos aborígines seguirem juntos, por muitos e muitos anos, os mesmos hábitos e comportamentos, hoje atingimos nós, com a vinda de Nosso Senhor Jesus Cristo, o mais alto padrão de experiência e vida a que a família humana pode aspirar.

Os homens em todas as áreas de trabalho e aprendizado, tem repetido, lamentavelmente, hábitos nocivos dos seus antepassados históricos que, embora cientes dos exemplos do Cristo de Deus, valorizam a força sobre o direito e a hipocrisia em detrimento da educação.

Nós, contudo, que já entendemos na tirania e na leviandade, na vingança e no despotismo, no ódio e na violência, as forças involutivas, nascidas, todas elas, do egoísmo e do orgulho, guardamos o dever de reprisar, tanto quanto nos seja possível, os exemplos de perdão e caridade, de fé e abnegação do Excelso Mestre e Senhor de nossa evolução terráquea.

O nosso lugar, em meio a convulsões e lutas fratricidas, que repetem os impérios miseráveis dos homens de antanho, é o serviço e a paciência com que, louvando a infinita bondade de Deus, inspiramos aos cansados e oprimidos da Crosta e do Além, a Vida Abundante, porque tão só Jesus, em suas lições divinas, é o Caminho, a Verdade e a Vida!

EMMANUEL

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner Gomes da Paixão durante reunião pública do Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG, no dia 09 de abril de 2018).

TEMPO DE RENOVAÇÃO

Queridos irmãos, que o Senhor nos abençoe em nossos propósitos de evolução consciente e progresso moral!

O calor fraterno, oriundo da comunhão de pensamentos, permite se crie, neste ambiente, vigoroso oásis de entendimento e luz, de candura e consolação, a bem do mundo sofredor…

O Evangelho permanece por Céu da humanidade e todo esforço por valorizar-lhe os ensinos, em sua imortal sabedoria, significa a “volta” de Jesus ao nosso convívio.

Percebemos, com lamentos próprios à nossa condição espiritual ainda acanhada, o quanto os corações dos encarnados em nosso Brasil tem sofrido com as iniquidades e os desvios morais que pululam por toda parte…

Embora a grandeza da proposta espírita, a mentalidade humana insiste em submergir nos desvãos do personalismo, não sem evidentes prejuízos para o movimento de sua divulgação e de consolo junto às massas…

Sem dúvida, meus irmãos, trata-se do joio sendo reunido em molhos, para ser queimado. Os sinais dos tempos se projetam das circunstâncias e, obedecendo às Leis Divinas, são inevitáveis as consequências do fechamento de ciclo, em que as estruturas falsas e aparentes de uma moral sem fundamento vivo nos testemunhos pessoais, fazem esboroar os impérios das ilusões…

O Alto opera, neste momento, especialmente na Pátria do Cruzeiro, profundas e graves mudanças, de modo que não poderemos olvidar a “Lei de Destruição” inserta pelo Codificador na Parte Terceira de O Livro dos Espíritos.

E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça” – diz Jesus, “mas ainda não é o fim”*…

Nossa tarefa é transitar com proveito, onde e com quem estivermos.

O estudo doutrinário, tendo por meta a compreensão e a consequente interiorização do Evangelho de Jesus é nossa mais alta missão nestes tempos.

Ninguém deita remendo de pano novo em roupa velha”**. Entendendo isso, amigos, permitamos e operemos as transformações imprescindíveis, começando em nós.

Nada a se perder, pois, após os escombros de tantas civilizações e de propostas existenciais, o Espírito de tudo triunfa, reorganizando a vida, entre experiências somadas e orientações de caráter divino.

Prossigamos com fé e união.

Recebam nosso abraço e sintam-se envolvidos nas vibrações de nossos maiores – solidários conosco e sempre presentes nas obras de regeneração da Humanidade!

Honório Onofre de Abreu

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner G. Paixão durante evento realizado no Abrigo Jesus no dia 10/02/2018, em Belo Horizonte, MG)

* Mateus, 24:6
**Marcos, 2:21

PERDER A ALMA

De todos os infortúnios que enxameiam as estradas do Mundo, o quadro mais triste e mais sofrido é o daqueles que perderam a própria alma, a propósito de orgulho, ambição e vaidade…

Indiscutivelmente, os que padecem fome e sede, nudez e escravidão são sofredores a nos requisitarem apoio e mobilização social, e, ainda que isso não nos seja possível, a compaixão por suas necessidades nos sugere a prece ao Criador, para que a Providência lhes favoreça de algum modo.

Todavia, não raro defrontamos os cultos do mundo, encastelados em suas posições de imaginária superioridade intelectual, entretecendo pensamentos elitistas, completamente distanciados da realidade popular.

Vemos os afortunados, encarcerados nos arroubos do ganho fácil e nem sempre lícito, aprisionando, em títulos disputados e cofres dourados, os valores financeiros que poderiam estar a serviço do progresso geral, dignificando a educação e assegurando o trabalho remunerado de muitos, permitindo a famílias inteiras a se manterem na existência com dignidade.

Identificamos os homens públicos, na feição de magistrados, políticos e servidores outros, completamente alheios às necessidades sociais, votados, sob o manto da vaidade ou da ambição, a seus projetos pessoais, dando as costas para a santidade das funções que não honram…

E, a par deles, também encontramos os religiosos vendidos à prepotência e ao usufruto do que lhes não pertencem, em declarado desprezo à moral evangélica que pregam com a boca e permanece distanciada de seus corações…

São, todos eles, os mais infelizes habitantes da Terra, porque, tendo nas mãos os tesouros que lhes garantiriam a elevação moral e o fulgor do caráter, deixam-se enlamear pelas ilusões de uma existência tão fugaz como a do corpo físico – esta veste temporária e tão frágil, que, se envergada com dignidade e pudor, legaria à alma, nela inserta, as mais santas alegrias de vida e os mais altos tributos da paz!

 

EMMANUEL

 

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner Gomes da Paixão durante reunião pública do Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG, no dia 25 de novembro de 2017).

AULAS DA VIDA

Se o gênio da ciência encontra no macrocosmo os fundamentos do poder de Deus, e disso até se utiliza para situar a existência na Terra num plano de insignificância, o virtuoso, por sua vez, de coração embebido de fé, fixa a lágrima de alguém que chora e, compadecido, descobre aí o fulgor do amor do Pai educando um filho para a eternidade.

Por mais o pensamento se alce ao esplendores da Criação, o sublime fundamento da vida reside no íntimo de nós mesmos, a partir das experiências a que somos conduzidos pelas circunstâncias.

Não maldigas o golpe emocional que deixa combalido um coração, nem desprezes a amargura que te visita a intimidade como força da justiça a te recordar, pela consciência, os próprios feitos.

Ilustrar o cérebro nos é um dever de progresso, mas, aprender com os sentimentos significa efetiva emancipação.

Nada há desprezível ou inferior se a sinceridade e a confiança norteia os passos.

Errar, sem a intenção consciente de ferir, é descobrir-se para se melhorar.

A existência física pode ser interpretada por condicionamento específico, reduzindo substancialmente as potências do Espírito, todavia, é por essa existência singela que o Espírito se dota da verdade de si mesmo, passo a passo, vivência a vivência, esforço a esforço, qual a semente deixada em cova escura, para revelar os brotos vigorosos do seu poder, segundo a própria espécie.

Conduz a tua existência seguindo a consciência iluminada pela Boa Nova de Jesus, e ela, singela e inexpressiva, te revelará, pelo sentimento trabalhado através de incontáveis vicissitudes, os segredos de Deus, então potencializados em ti!

 

EMMANUEL

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner Gomes da Paixão durante reunião pública do Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG, no dia 28 de outubro de 2017).

TRABALHA E ESPERA

Aflição somente agrava
A prova em que te vês.

Inércia sempre aprofunda
O caos que não desejas.

A fé, por isso, é archote
A nos guiar pela escuridão.

Mas fé pede trabalho
Que nos ocupe no bem.

Enxergar é solução
Se os pés nos levam à frente.

Opera fazendo o melhor
Enquanto aguardas dias radiosos.

A cada ação positiva
Soluções tomam corpo.

Enquanto esperas, opera,
Fundamentando o amanhã com Deus!

EMMANUEL

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner Gomes da Paixão durante reunião pública do Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG, no dia 02 de setembro de 2017).

VENCE A TI MESMO

Embora as tendências infelizes,
recorda os dons divinos que possuis…

Pessimismo, baixa estima, desalento
São espículos nascidos da culpa.

Se erraste, corrige,
Adotando para ti o autoperdão.

Não há mal que perdure e nem dor que se eternize,
Se a esperança te conduz à fé.

Ante os golpes da estrada,
Usa a medicação da prece.

Ante as quedas e deslizes,
Abraça o trabalho no bem.

Confiança na vida
É nossa entrega a Deus.

Para erradicar o mal na Terra,
Deus renova os dias com o Sol…

Enxerga no tempo o amigo de tua renovação,
e a força do serviço útil esculpirá em ti o Filho de Deus!

EMMANUEL

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner Gomes da Paixão durante reunião pública do Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG, no dia 19 de agosto de 2017).

CONCERTO DIVINO

Indiscutivelmente, os talentos e habilidades humanos revelam um poder transcendente, raiando pela genialidade que, em aspecto sociológico, abre caminhos novos à família humana.

A estatuária, trabalhando a idéia da perfeição, talha numa pedra, como demonstrou Fídias, a excelência das concepções do escultor.

A música celeste, conduzindo as fibras mais íntimas do sentimento aos páramos do êxtase, como Mozart e tantos outros conseguiram, elevou as almas ao Infinito.

A ciência médica, inaugurando a Era da assistência qualificada em promoção da saúde, dentro das concepções de um Hipócrates, curou os enfermos.

O esquadrinhamento do Universo através de recursos técnicos, como propôs um Galileu, descortinou a Imensidão de Deus à família humana.

O esplendor da linguagem, em prosa e verso, como meio promotor da cultura, consoante logrou um Shakespeare, aculturou as mentes…

São marcas indeléveis na história de progresso da Humanidade, levantando o padrão da convivência e gerando caminhos mais promissores, pela técnica que sintetiza e pela inspiração que fomenta dádivas.

Dentre todas essas estrelas do gênio, reconhecidamente emissários do Criador em socorro da vida planetária, destaca-se Jesus – o Sol de nossa evolução terrena, pela magnitude das ciências que demonstrou ao curar, ao alimentar, ao dominar forças da Natureza, ao ressurgir em Espírito e Verdade para exercitar as potências divinas de seu Espírito, e filosofia transcendente e imortal, revelando inteligentemente o plano inteligentíssimo da imortalidade, da reencarnação, da lei de Causa e Efeito e da rede infinita de vida entre o homem e as muitas moradas da Casa do Pai, no próprio Criador. E religiosamente, triunfando de todas as religiões dogmáticas, porque o Amor puro de seu coração ilumina a Terra inteira, desde a concepção do planeta, e objetivamente a partir de sua vinda à Crosta para fundamentação do Evangelho Redentor.

Os homens tem vivido dos favores de Deus sob as bênçãos de Jesus, embora não saibam ou não queiram saber disso, mas, a verdade é que, nessa constelação de gênios, Jesus é Senhor e Mestre, Guia e Modelo para Sempre!

EMMANUEL

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner Gomes da Paixão durante reunião pública do Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG, no dia 28 de janeiro de 2017).

O TEMPO E NÓS

Meus amigos, muita paz!
O tempo é a providência paternal de Deus a nos ensejar experiências e valores no campo da alma.

Como providência, a renovação do tempo pelo calendário humano pode sugerir mudanças, a partir da renovação de esperanças e sonhos, mas, o tempo, por si, pode não representar absolutamente nada para o coração que não se esforça por imprimir nele – o tempo que lhe é concedido –, as marcas indeléveis de sua história, a partir do empenho moral que lhe é um dever.

É por isso que, para o seguidor do Evangelho de Jesus, o tempo é instrumento, e sua maior expressão de valor se situa no hoje, quando todos nós – encarnados ou desencarnados, já despertos para a onipresença de Deus na Criação, temos a oportunidade de:

Pensar com elevação;
Sentir com nobreza;
Falar dignificando;
Ouvir com proveito;
Andar sob justa orientação;
Conviver com respeito e fraternidade;
Trabalhar com honestidade e alegria ;
Orar com reverência e humildade;
Viver, com todos e em toda situação, na certeza de que somos filhos do Amor. E, por fim, recordar que o Amor, em nós, é serviço útil aos outros e sentimento caridoso para sempre!

EMMANUEL

(Mensagem psicografada pelo médium Wagner G. Paixão durante reunião pública do
Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG, no dia 31 de dezembro de 2016).

ALEGRIA DE VIVER

A sabedoria de Deus, que se revela em todos os elementos da Criação infinita e que na Terra fez surgir a gleba e as sementes, as fontes e os oceanos, o ar e as nuvens, o céu e as estrelas, também fez nascer na intimidade dos seres humanos a capacidade de pensar e a fecundidade do sentir.

Reconhecendo a infinitude das dádivas do Pai e Criador, necessário utilizemos o recurso da inteligência para situar nossa existência neste universo de bênçãos, com o santo objetivo de construir, em regime de solidariedade e cooperação, a própria felicidade imperecível.

Desse modo, a alegria de viver é a resultante do estado consciencial daqueles que sentem a presença de Deus e codificam em raciocínios lógicos a beleza de Sua lei que determina, seja dado a cada um, segundo as próprias obras.

Cultivemos o bem e a luz se irradiará de nossos corações, por manifestação do Pai que encontrou abrigo em nosso íntimo!

EMMANUEL

 (Mensagem psicografada pelo médium Wagner G. Paixão durante reunião pública do dia 04 de julho de 2015, no Grupo Espírita da Bênção, em Mário Campos, MG).